Destaques

Brasil, país do Inacreditável

Fernando Collor de Mello anunciou que é pré-candidato à Presidência. Por tudo que fez e representa, além de ser réu na Lava Jato, trata-se de mais um fato tragicômico neste país. Ele encarna e ajuda a manter a plenos pulmões as mais nefastas práticas da política do Sul do mundo.

Talvez mais inacreditável ainda seja ver horas de lulofanáticos defendendo a candidatura do outro ex-presidente, este também réu em uma penca de processos na Lava Jato e já condenado no caso do Triplex do Guarujá.

Na manhã desta segunda, 23, a comissão de frente do bloco do MST, um dos que abriu as tais manifestações deles e do PT em Porto Alegre, tinha João Pedro Stedile, Gleisi Hoffmann, Olívio Dutra, Paulo Pimenta e outros velhos foliões na comissão de frente. Impressionante. Tem tempo esse povo hein? A movimentação, registre-se reuniu meia dúzia de gatos pingados na manhã de segunda. Mas foi o suficiente para atrapalhar e muito a vida de quem trabalha e produz.