Destaques

Ponticelli defende PP e PSD juntos em 2018!

A convenção municipal do PP em Tubarão mobilizou mais de 500 pessoas na sexta-feira à noite. O atual presidente, Marcelo Ribeiro, foi reconduzido à função. Também foi elogiado pelo prefeito Joares Ponticelli, que fez um pedido, em tom de apelo, ao deputado federal Esperidião Amin, presidente estadual do partido: que o PP caminhe, em 2018, ao lado do PSD de “Raimundo Colombo e do presidente Merisio.”

Presente ao evento, o ex-governador evitou tocar no assunto aliança com o PSD. Também não proferiu uma palavra sobre a convenção estadual do dia 21, quando ele tentará renovar o mandato à frente do PP catarinense.

Sobre este momento decisivo, Joares Ponticelli discursou na tradicional linha da unidade partidária, alertando que esse caminho leva ao fortalecimento da sigla. Vai buscar o consenso.

Além de Amin, o presidente da Assembleia, Silvio Dreveck, e o vereador e liderança jovem do PP, Leonardo Piruka, devem bater chapa com o atual comandante.

PP Tubarão
Mais de 500 pessoas compareceram à convenção municipal do PP em Tubarão, onde o partido está fortalecido

Rumos

A convenção estadual do PP, conforme já foi assinalado neste espaço, mexerá com o tabuleiro com vistas ao processo sucessório de 2018. No caso de Esperdião Amin conquistar novo mandato, existe a tendência de uma nova tríplice aliança em Santa Catarina, unindo o PP, o PSDB de Paulo Bauer e o DEM de João Paulo Kleinübing (o deputado está praticamente dentro da sua legenda original, mas ainda não houve a mudança formal de partido).

PP e PSD

Por outro lado, se Dreveck ganhar a convenção e assumir a presidência do PP, o caminho fica aberto para a adesão ao projeto eleitoral de Gelson Merisio, pré-candidato do PSD ao governo do Estado.

Posicionamento

Embora o prefeito Joares Ponticelli tenha insistido na busca pelo consenso para a convenção do dia 21, ele emitiu alguns sinais, na convenção municipal de Tubarão, de que se tiver que se posicionar, apoiará Silvio Dreveck.

Respeito

As palavras de Ponticelli denotaram respeito a Esperidião Amin. O alcaide foi líder do governo Amin na Alesc entre 2000 e 2002. No fundo, ele não gostaria de ter que optar entre o ex-governador e Silvio Dreveck. Mas se for necessário, tende a acompanhar o presidente da Alesc.

Por etapas

Ponticelli atua para primeiro fechar aliança estadual com o PSD. Na sequência, ele pretende costurar a presença do PSDB na chapa. O prefeito tem excelente trânsito no ninho. Foi candidato a vice de Paulo Bauer em 2014. No sábado, o mandatário de Tubarão – cidade onde dois vereadores tucanos apoiam o governo – prestigiou a palestra de Geraldo Alckmin na Capital

Fotos>PP Tubarão, divulgação