Artigos

VENCENDO A CRISE NO EMPREGO

Apesar de o país estar atravessando uma das piores crises econômicas da história, da divulgação de frequentes notícias de demissões e de empresas fechando as portas, ainda é possível reverter o quadro. A boa notícia é que é possível vencer a crise e ficar imune ao desemprego.

Nada se obtém sem esforço. É necessário procurar, de acordo com possibilidades de tempo e recursos, obter uma formação acima da média do mercado. É preciso esforço, vontade e dedicação. No tempo livre, fazer cursos é uma das melhores formas de aprofundar o seu conhecimento. Além de ampliar a cultura e as habilidades, é possível valorizar o currículo, criando diferenciais e aumentando as chances de uma boa colocação no mercado. Atualmente, estar sem dinheiro não é impedimento para não fazer um curso. Existem milhares de cursos gratuitos oferecidos tanto pela internet como presenciais.

Esforce-se e dê o melhor de si por onde passar, seja procurando um emprego ou já empregado. Uma boa impressão irá acompanha-lo pelo restante da vida, assim como uma má impressão. Para quem está empregado, fazer cursos, apresentar sugestões para aumentar as vendas, a produtividade e para reduzir despesas, são ótimas opções. Evite faltar ao trabalho, chegar atrasado e não cumprir prazos. Nestes momentos de crise, qualquer motivo pode ser uma justificativa para a demissão.

Em caso de demissão, um dos primeiros impulsos é distribuir currículos para todos os tipos de empresa. Essa atitude é equivocada. Deve-se ter muita calma nesta hora. A primeira preocupação deve ser a definição do tipo de empresa ou segmento em que se quer atuar. Em segundo lugar, elaborar com calma e corretamente o currículo. Depois, comunicar a sua rede de contato do que você está buscando.

O fato de estar desempregado também pode ser uma oportunidade para extrair o máximo de ensinamentos possíveis e estimular o autoconhecimento, descobrindo como isso pode melhorar na sua carreira. Erros fazem parte do processo de desenvolvimento profissional. Nem sempre o seu trabalho estará perfeito. Aceitar também é um passo para superar crises.

 

Sady Bordin, Autor do livro “Vencendo a crise”

 

Artigo