Notícias

Em Joinville, Colombo apresenta novo Fundam e participa de congresso da CNBB

A primeira edição do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam), criado pelo Governo do Estado de Santa Catarina, destinou R$ 606 milhões para as 295 cidades catarinenses. Com isso, os prefeitos conseguiram investir em infraestrutura, construção de prédios e adquirir equipamentos para atender a comunidade. Nesta quarta-feira, 16, na Associação de Municípios do Nordeste de Santa Catarina (Amunesc), em Joinville, o governador Raimundo Colombo apresenta a segunda edição do programa.

Na reunião, com início às 16h e aberta à comunidade, o governador vai expor aos representantes dos municípios da Amunesc – Araquari, Balneário Barra do Sul, Campo Alegre, Garuva, Itapoá, Joinville, Rio Negrinho, São Bento do Sul e São Francisco do Sul – quais serão os critérios de análise dos projetos para o novo Fundam. Na primeira edição, foram destinados R$ 27,8 milhões para as nove cidades. Em SC, os recursos foram aplicados em 956 equipamentos, máquinas e veículos, 56 obras e 1.358 ruas pavimentadas.

Raimundo Colombo fundam
Reunião começa às 16h e é aberta à comunidade

A previsão é que entre 2017 e 2018, todos os municípios do Estado recebam um total de R$ 700 milhões em novos investimentos, mas o montante final será aprovado na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

Ainda em Joinville, às 19h30, Raimundo Colombo participa da solenidade de abertura do 10ª edição do Mutirão Brasileiro de Comunicação (Muticom), no Centro de Convenções e Exposições Expoville. É a primeira vez que Santa Catarina recebe o evento, realizado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e Diocese de Joinville, com o tema “Educar para a Comunicação”. De acordo com a organização, são esperadas 800 autoridades eclesiásticas de diversos estados: Paraná, Bahia, Amazonas, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Pará, Ceará, Espírito Santo, São Paulo, Paraíba, Pernambuco, Sergipe, Rio Grande do Sul, Tocantins, Piauí, Maranhão, Goiás e Rio Grande do Norte, além do Distrito Federal.

“A comunicação na igreja na perspectiva do Papa Francisco” é o tema da palestra de abertura a ser proferida pelo prefeito da Secretaria de Comunicação da Santa Sé, monsenhor Dario Viganò. O Muticom foi instituído em 1998 pela CNBB e, a cada dois anos, é realizado em uma região do Brasil, neste ano, pela primeira vez fora de uma Capital. Participam bispos, presbíteros, religiosos, pastorais, além de estudantes e pesquisadores e profissionais da comunicação. Sete emissoras de televisão católica irão retransmitir o congresso, que se encerra no dia 20.

Foto>Secom, divulgação