NotíciasÚltimas

Oposicionistas criam frente para “soberania nacional”

 “A discussão sobre a defesa da soberania nacional deve começar com a seguinte pergunta: somos efetivamente um país soberano? Não. Somos um país submetido ao mercado globalizado e aos seus requintes e crueldades, que levaram milhões de pessoas à exclusão. O povo saiu fora da agenda destes acontecimentos. O mercado é o foco principal. Nenhum país que vive submetido a estas regras tem domínio da sua nacionalidade, do seu patrimônio e dos interesses do seu próprio povo. Um país que se submete ao processo de pilhagem desta riqueza, que nos entusiasmava para o desenvolvimento, distribuição de riqueza, melhoria do ensino público e da saúde foi a quebra do modelo de partilha do pré-sal, que é entregue sorrateiramente às petroleiras internacionais, como a Shell, vergonhosamente com desonerações tributárias que o povo brasileiro e as cadeias produtivas nunca alcançaram na ordem de R$ 1 trilhão, com a venda do pré-sal.” Fala do líder da Oposição no Congresso Nacional, deputado federal Décio Lima, no lançamento da Frente Parlamentar Mista em Defesa da Soberania Nacional com a presença do senador Roberto Requião, na Alesc, em Florianópolis. 

No ato  foi criada a Frente Parlamentar em Defesa da Eletrosul. Participaram do lançamento deputados federais, estaduais e lideranças do PDT e do PCdoB, sindicais e trabalhadores do setor elétrico.

Deputado Décio Lima e o senador Roberto Requião
Deputado Décio Lima e o senador Roberto Requião

Crédito: Vitor Shimomura / Agência AL